Carne bovina de Mato Grosso ganha destaque global

Exportações de carne bovina de Mato Grosso alcançaram um novo patamar em 2023

As exportações de carne bovina de Mato Grosso alcançaram um novo patamar em 2023, impulsionadas pela atuação estratégica do Instituto Mato-grossense da Carne (IMAC) em mercados internacionais-chave. De acordo com dados divulgados pelo IMAC, o estado registrou um volume exportado de 589,19 mil toneladas em equivalente carcaça, consolidando-se como um dos principais fornecedores globais desse produto. A informação é do IMAC.

A proximidade comercial de Mato Grosso com 83 destinos internacionais reflete o trabalho contínuo do IMAC em promover a qualidade e sustentabilidade da carne produzida no estado. As atividades incluem participação em feiras de negócios e discussões internacionais para apresentar a cadeia produtiva da carne sustentável de Mato Grosso em diversos países.

Entre os destaques, o Egito e os Emirados Árabes Unidos emergiram como importantes compradores, aumentando suas aquisições em 8,39% e 61,39%, respectivamente, após visitas de representantes do IMAC em 2022. Enquanto isso, a China permanece como o maior importador da carne bovina mato-grossense, apesar de uma redução de mais de 18% em comparação com 2022, conforme indicam os dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

Bruno Andrade, diretor técnico operacional do IMAC, enfatizou a importância da diversificação de mercados para evitar dependências excessivas de um único comprador, destacando a necessidade de explorar oportunidades em outros países para a carne mato-grossense.

Além disso, o crescimento do rebanho bovino de Mato Grosso, projetado em 2% ao ano até 2026, de acordo com o Centro de Dados Econômicos de Mato Grosso (DataHub MT), oferece perspectivas promissoras para o setor. Andrade expressou otimismo em relação a 2024, antecipando um ano de exportações recordes para o estado.

As missões internacionais lideradas pelo IMAC continuam a fortalecer os laços comerciais, com planos para aumentar a presença de Mato Grosso em eventos internacionais, incluindo o Congresso Mundial da Carne em 2025, que será sediado na capital do estado.

Fonte: Agrolink – Aline Merladete

abrafrigo

Leave Comment