Brasil e Paraguai terão banco de vacinas público para aftosa

Anna Flávia Rochas

O Brasil e o Paraguai assinaram um memorando de entendimentos na terça-feira (09) que envolve cooperação em diversos temas sanitários nas áreas animal e vegetal, incluindo a constituição de um banco de vacinas conjunto de aftosa, disse a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, em vídeo divulgado pelo ministério.

“Fizemos aqui, agora, um memorando de entendimentos entre o Brasil e o Paraguai para tratarmos de assuntos como o vazio sanitário, o uso de defensivos agrícolas, a época de plantio de soja, também a construção de um banco de vacinas de aftosa entre os países, público e não privado”, disse a ministra após reunião técnica em Assunção, no Paraguai.

“A cada 3 a 4 meses, nós teremos uma reunião conjunta Brasil-Paraguai para tratarmos desses temas para que possamos avançar.”

A cooperação poderá ampliar a abertura de mercados para os países, além de reforçar o controle na fronteira.

“Isso dá mais credibilidade e segurança aos pecuaristas em relação aos seus rebanhos e respaldo no mercado internacional, pelo reforço integrado dos dois países”, disse o secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, José Guilherme Leal, em comunicado divulgado pelo Mapa.

Fonte: Carnetec

abrafrigo

Leave Comment